Notícias

Anteprojeto do Terminal Metropolitano de Londrina é apresentado
29 Abr
Divulgação

Anteprojeto do Terminal Metropolitano de Londrina é apresentado

O governador Ratinho Junior (PSD) recebeu nesta quarta-feira (27) o anteprojeto do Terminal Metropolitano de Londrina, que vai atender as linhas de ônibus intermunicipais e metropolitanas do Norte do Paraná. O estudo foi elaborado por entidades do setor produtivo da região, que fez a doação ao Governo do Estado. Ele vai nortear o projeto executivo da obra.

O novo terminal solucionaria um problema de mobilidade e traria mais segurança aos passageiros que utilizam o transporte coletivo intermunicipal e metropolitano. As pessoas que desembarcam em Londrina ou seguem para outras cidades da região utilizam os pontos de ônibus espalhados pela Avenida Arcebispo Dom Geraldo Fernandes (Leste-Oeste), no entorno do Terminal Urbano Central. Com o projeto, a chegada e saída dos ônibus ficariam concentradas em um só lugar.

O local escolhido para a implantação é um terreno de 12 mil metros quadrados em frente ao Terminal Central, que pertencia à Empresa Intercontinental de Café e está sem uso há muitos anos. O decreto nº 9208/21, publicado em outubro do ano passado, declarou a área como de utilidade pública, prevendo a desapropriação do imóvel para construção do Terminal Metropolitano. O Governo do Estado já tem o recurso disponibilizado e agora aguarda definições da medição para a aquisição do terreno.

Intermunicipal

De acordo com o Plano de Mobilidade de Londrina de 2019, cerca de 19 mil viagens eram realizadas por dia no sistema de transporte intermunicipal e metropolitano, sendo que 88% delas tinham origem ou destino em Londrina e apenas 12% cruzam a cidade. A maior parte dos passageiros é para Cambé e Ibiporã, mas o terminal atenderia também os moradores dos municípios de Assaí, Jataizinho, Rolândia, Bela Vista do Paraíso, Sertanópolis e São Sebastião da Amoreira.

A maior parte da movimentação de passageiros, segundo o plano, é de pessoas que vão a Londrina a trabalho ou negócios, a lazer ou para estudar, sendo que o principal destino das viagens é o Centro da cidade. Um quarto dos moradores de cidades como Cambé e Ibiporã, que são conurbadas com Londrina, trabalham no município.

“Onde eles ficam hoje [passageiros] é um lugar de difícil acesso e com pouca estrutura para se abrigar contra a chuva e o sol forte”, explicou Sandra Moya, chefe do Núcleo Regional da Casa Civil da Região Metropolitana de Londrina.

Projeto

O anteprojeto apresentado pelas entidades prevê a construção de um terminal com 4.850 metros quadrados de área coberta em estrutura metálica e fechamento lateral em concreto armado. Uma área de 930 metros quadrados seria destinada aos passageiros, com instalações sanitárias e de alimentação, área administrativa, atendimentos aos funcionários e motoristas e área técnica.

O restante da construção (3.920 metros quadrados) deve abrigar sete plataformas com 21 baias de paradas de ônibus.

Créditos: Tem Londrina

REDES SOCIAIS:
Image
Image
RÁDIO NORTE 100.3
CONTATO@RADIONORTELONDRINA.COM.BR
(43) 3367-4003

Um novo conceito em rádio!
Image
RÁDIO NORTE 100.3
CONTATO@RADIONORTELONDRINA.COM.BR
(43) 3367-4003

Um novo conceito em rádio!
Image